Houston…we have a problem

IMG_4221
Inesperadamente, o airbag resolveu apresentar um problema com menos de 500 km rodados.

Ontem, graças a uma cortesia do amigo e cliente Marcio Marçola, fui assistir ao jogo do São Paulo e Sport no camarote Stadium, no estádio do Morumbi. Aliás, muito obrigado, Marçola.

Fomos eu e um colega da Dinamize. E como sempre se espera muito trânsito no entorno do estádio, resolvi deixar o carro no estacionamento do Shopping Morumbi e matar dois coelhos com uma cajadada só: conhecer o posto de recarga do shopping e deixar o veículo num lugar seguro. Como o Shopping fecha o estacionamento para entrada de veículos às 22h, mas permite a saída a qualquer horário, seria perfeito. Do shopping ao estádio iríamos de Uber.

Encontrei a vaga que, para nooossa alegriaaaa, fica em um local comum no piso G2, não na área de Valet como no Shopping Vila Olimpia. Estaciono, conecto o carregador ao i3 e…nada. Nem uma luz no carro ou no Wallbox (carregador de parede da BMW) acende. Aviso a caixa do estacionamento e, em 10 minutos, chega um funcionário do Shopping. Confere que não está funcionando e chama o eletricista. Passam-se mais 15 minutos e chega o eletricista. “- Deve ser um disjuntor desligado”, arrisco eu. Bingo! O eletricista vai até o quadro de luz e liga o disjuntor. “- A gente deixa desligado por segurança”, diz ele.  :-S

Veni, vidi, mas o tricolor não vici, pois empatou num jogo morno que acabou em 0 x 0. Voltamos ao shopping Morumbi e pegamos o i3 com carga total. Ao meu colega entrar no carro e fechar a porta, surge um alerta no meu painel (foto inicial do post). Pensei tratar-se de algum “bug”. Desligo o carro, abro e fecho a porta, e nada.

Hoje pela manhã, acionei o serviço de concierge / teleserviço da BMW, pela linha telefônica do próprio i3. E recebi a orientação de ir à concessionária, mesmo sem agendamento prévio, por se tratar de um item de segurança. Fui prontamente atendido pela Autostar, onde deixei o carro de manhã. Após o almoço, o diagnóstico: um cabo do sistema do airbag está com mau contato e levará 30 dias para chegar a peça, vinda da Alemanha. Além do cabo do airbag, também fui informado que será necessário trocar 3 parafusos de um coxim do motorzinho do REx (gerador de energia para as baterias que fornece autonomia adicional) que costumam trincar por causa da má qualidade da pavimentação de nossas ruas.

Peguei o carro no final do dia na concessionária já com uma atualização do firmware e um ajuste na maçaneta da porta traseira esquerda que parecia a propaganda antiga do Prestobarba: a primeira fazia tcham, a segunda fazia tchum e só na terceira tentativa ela abria a porta. Mas ficou perfeita após o ajuste. O melhor foi pegar o carro limpinho, após um belo serviço de lavagem cortesia da concessionária.

Combinei com a Autostar que me avisarão quando a peça chegar para levar o carro novamente e efetuar a substituição. Confesso que fiquei um pouco apreensivo com o defeito, afinal o i3 está com menos de 500 Km rodados. Azar? Espero que sim, pois pretendo ficar um bom tempo com o carro.

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s