À caça de pontos de recarga

IMG_4424.JPG
Estação de recarga por energia solar da Neosolar. Carrega dois carros simultaneamente.

Enquanto uns caçam Pokémon, eu caço pontos de recarga de veículos elétricos. Infelizmente, eles são mais raros do que os monstrinhos virtuais. A Neosolar (www.neosolar.com.br), empresa brasileira especialista em Energia Solar Fotovoltaica localizada no bairro do Paraíso, tem um ponto de recarga alimentado por energia solar em sua sede. E o disponibiliza gratuitamente para quem quiser carregar seus carros. Na semana passada, entre uma reunião e outra, teria que passar pela região. E resolvi ver como é. A tecnologia é muito interessante. Pra quem mora em casa, e roda muito, um sistema de recarga alimentado por energia solar é algo muito interessante, com o retorno do investimento acontecendo provavelmente antes do final do financiamento do carro. Evidentemente, a Neosolar não recebe muitos visitantes caras-de-pau, como eu, para recarregar seus veículos. Mas, fui muito bem recebido pelo Sr. Paulo Frugis e alguns outros membros da equipe. Pena que o carregador ainda não estava ligado numa rede trifásica, que o permitiria trabalhar em sua capacidade máxima, mas na meia hora em que fiquei por lá deu para ganhar uns 20 quilômetros de autonomia adicional. Em nossa conversa, soube que estão promovendo um curso sobre carros elétricos e carregadores, apresentando um panorama das tecnologias que existem no mercado. Jabá feito, Paulo.  🙂

Nos dias 10 e 11, a Dinamize, empresa na qual sou diretor comercial, participou com um estande em um evento realizado na Fecomercio SP. Como cheguei cedo, mas com pressa para levar alguns materiais para nosso estande, pedi ao manobrista do estacionamento para me indicar uma vaga em que pudesse deixar o carro e levar a chave. Eles não costumam fazer isso, mas quando falei que o carro era elétrico e estava sem tempo de ensinar como dirigi-lo, fui prontamente atendido. E me colocaram numa vaga que…tcham, tcham, tcham, tcham…tinha uma tomada 220V do lado. Falei com o Anderson (se não me engano no nome), responsável pela parte elétrica da sede da Fecomercio SP,  e pedi para deixar meu i3 carregando. E a resposta foi sim, após verificar que o carregador consome 12A no máximo. Como a tomada era padrão 10A, o plug mais grosso do carregador não entra. Usei uma extensão, cuidadosamente fixada ao chão com fita crepe pelo Anderson para ninguém tropeçar, configurei a potência do carregamento de “máximo” para “reduzido” e voilá: enquanto eu trabalhava, o i3 era carregado. Saí do evento com 100% de carga. Obrigado, Fecomercio SP, em especial ao Anderson.

IMG_4425.JPG
Vaga no estacionamento da Fecomercio SP. Ao lado da porta, uma sugestiva tomada 220V

Embora a tomada no estacionamento da Fecomercio SP tenha sido uma feliz coincidência, descobri a estação da Neosolar numa pesquisa na Internet. Assim como também descobri que o Instituto de Energia e Ambiente (Ex-IEE,  Instituto de Eletrotécnica e Energia) da USP possui um ponto de recarga rápida, com 50 KW em corrente contínua feito em parceria com as empresas EDP no Brasil e Efacec. Ao longo da semana, tentei obter informações sobre a estação de recarga. Liguei para vários telefones no prédio do IEE. E foi surreal. Ninguém sabe de nada e sempre me transferiam para a coitada da recepcionista. Sem exagero, foram três ligações diferentes, para áreas diferentes, todas transferidas invariavelmente de volta para a recepcionista.

Inconformado, aproveitei o domingo tranquilo para passear de i3 com a cunhada, mulher e filha. O destino era a USP para, entre outras coisas, ver in loco como é o ponto de recarga. Uma breve explicação sobre meu carro elétrico e o ponto de recarga do IEE para os guardas da portaria da USP e lá estávamos nós dentro da cidade universitária. Chegamos ao prédio do IEE, outra breve explicação à portaria do IEE, e devidamente identificado, entramos no estacionamento do prédio. E me deparo com várias estações de recarga. De potências diferentes, de plug padrão SAE J1772 (ou tipo 1, americano),  IEC 61851 (ou tipo 2, europeu) e o tal CHAdeMO, que carrega a 50KW em corrente contínua. CHAdeMO é a abreviação de Charge de Move. Algo como “mova usando carga” ou “mova por carga”. Mas, é preciso algum tipo de cartão para ligar os equipamentos. Ou alguma outra forma que desconheço, pois todas estações estavam desligadas. Além disso, as únicas estações que tinham o cabo para recarga eram a de padrão americano e a CHAdeMO. Enquanto a primeira é certamente incompatível com o BMW i3 brasileiro, que é importado da Europa e segue o padrão 2, a estação parruda CHAdeMO, aquela que eu queria usar, pelo que vi, parece ter um plug que não deve servir no i3. Vou tentar passar pessoalmente no IEE, em algum horário em que tenha gente que saiba dessas estações, pois por telefone é impossível obter alguma informação.

IMG_4416.JPG
Carregadores de todos os tipos e potências no IEE/USP.

E a notícia ruim, que não tem nada a ver com carro elétrico, é que fui roubado à mão armada. Levaram tudo: documentos, cartões, notebook, celular, relógio, etc. Trânsito parado, eu dentro do i3, 19h de quinta-feira, 11. Perto do MASP e da Av. Nove de Julho. Ainda não tinha colocado Insulfilm no carro. Aliás, não pretendia fazê-lo. Mas já coloquei. É possível que isso tivesse evitado o assalto. Ou não. Será que dá pra colocar um “taser” ligado na bateria do i3 para fritar um FDP covarde como o que me assaltou?  😦

Atualizando: hoje, 22 de agosto, consegui o contato de uma pessoa no IEE / USP que, infelizmente, me informou que o eletroposto não está funcional. É uma pena. Espero que o projeto seja retomado. Principalmente, porque a redução da alíquota de imposto para carros elétricos e híbridos que entrou em vigor no final do ano passado deve dar impulso às vendas desses veículos no país.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s