An Electric Baby is Born

IMG_4151
Product Genius Flavio me entregando o i3

Finalmente. Depois de mais de duas semanas em que entreguei meu carro como parte do pagamento e paguei a diferença, recebi meu i3. A demora trouxe um benefício extra, inesperado, mas muito apreciado: recebi de brinde um Wallbox, carregador de parede, Level 2, da BMW. Ao ser faturado em junho, fiquei elegível para a promoção do mês que contemplava o Wallbox. Esse equipamento leva menos do que a metade do tempo do carregador portátil que acompanha o veículo para cargas similares, afinal são 30A versus 12A. E custa mais de R$ 7 mil no Brasil. Obrigado, BMW. Em especial à Karen e Nanci.

Mas, vamos ao grande dia. Faturado na quarta-feira à noite, a Autostar me prometeu entregá-lo na sexta-feira seguinte às 10h. 9h50min estava eu lá na concessionária, de onde só sairia às 11h50min, pois o carro estava passando pelo processo de lavagem e cristalização da pintura. Com o acompanhamento do product genius da BMW, Flavio, até supervisionei um pouco do processo. O Eduardo, responsável pela limpeza cristalização, estava dando um talento especial no meu i3.

Como percebi que não sairia da Autostar antes das 11h, tratei de agilizar tudo o que pudesse. Fiz meu cadastro no sistema Connected Drive da BMW. Com esse cadastro, e um APP instalado no meu Iphone, sou capaz de monitorar a carga do i3, mesmo durante o carregamento, acionar os faróis e tocar a buzina remotamente (muito útil para pessoas que costumam esquecer a vaga em que estacionou o veículo), travar as portas e ,inclusive, programar o ar condicionado para ser ligado em um horário específico.

IMG_4154
Tela real do meu APP. Deixei o i3 carregando no trabalho. Em cerca de 2 horas, foi de 84% para 100% em uma tomada 220V comum.

Cadastro feito, mas o carro ainda passando pelo capricho do Edu, pedi ao Flavio para me mostrar os recursos do modelo num i3 do mostruário. E, depois, num carro de test drive para, entre outras coisas, ligarmos para o serviço de Concierge e aprender a usar os úteis recursos do piloto automático com “Siga-me”, que mantém a distância para o carro da frente, freando ou acelerando se necessário, e, também, o auto parking, que permite ao i3 estacionar sozinho. Esse último recurso é espetacular, mas fica a dica: cuidado ao estacionar em uma vaga com guia rebaixada. O carro pode acabar arranhando a roda na guia rebaixada, justamente porque sua altura é baixa e isso atrapalha a percepção da distância até a guia pelos sensores do veículo. Mas, não é um problema: basta monitorar pelo retrovisor e frear, se necessário.

Durante o passeio guiado com o i3 do test drive, novamente me surpreendi com seu torque e arrancada. Mesmo no modo de condução ECO PRO+, se você pisar no acelerador pra valer, o i3 salta na frente de qualquer carro. E isso é ótimo para uma manobra rápida muitas vezes necessária no caótico trânsito de São Paulo. A contrapartida: você vê o status de carga da bateria diminuir consideravelmente mais rápido.

Ainda sobre a condução o i3, é importante destacar que usar o acelerador é quase como acelerar um carrinho de autorama: se você tira o pé do acelerador, ele vai começar a frear devido ao sistema de regeneração de energia. Mas é fácil de aprender a nova dinâmica na condução. Com poucas dezenas de quilômetros rodados com meu próprio veículo, já estou craque e praticamente não uso mais o pedal do freio para uma condução em condições normais. Imagino que as pastilhas de freio devem durar muito mais do que os demais carros da BMW. Mas isso ainda é algo a ser confirmado.

Voltando à entrega do veículo, às 11h20min ele estava pronto para mim, ainda bem molhado da lavagem em algumas partes internas. Aprendi como carregá-lo numa das Wallbox disponíveis na Autostar. Aliás, esse carro é quase um vídeo game. Ao abrir a tampa das conexões para recarga que, nos modelos 2015 em diante vem com duas opções de “tomadas”, para carregadores tipo Trickle (o tipo que acompanha o carro. Trickle é gotejar em inglês. Deu para perceber que é lento, certo?) ou Level 2 com plug padrão EURO 2 e uma tomada para carregadores rápidos de corrente contínua (DC). Esses carregadores, sempre grandes com gabinetes geralmente monolíticos, conseguem a façanha de carregar 80% da bateria em até 15 minutos. Mas são para uso “comercial”, pois seu preço é alto e exigem uma bela instalação elétrica. Pelo que pesquisei, existe apenas um desses em São Paulo (e talvez no Brasil), que fica num posto da Rodovia dos Bandeirantes próximo à Jundiaí.

Ao espetar o plug do carregador na tomada do i3, ele acende uma moldura no bocal das tomadas, toda em led. E ela troca de cores: laranja, para informar que vai começar o carregamento e azul, acendendo de forma intermitente, para informar que o carregamento está acontecendo. Nesse momento, o i3 trava o plug na sua tomada para evitar que alguém o remova indevidamente. Uma vez terminado o carregamento, que pode ser feito a qualquer momento e com qualquer carga disponível na bateria, basta apertar o botão de destravar portas na chave do i3 que o led do bocal fica branco e você pode remover o plug do carregador com toda segurança.

IMG_4161

IMG_4162
Detalhe da vaga para carros elétricos no Shopping Vila Olímpia. Todos os Shoppings da rede Multiplan em São Paulo têm estação de recarga com Wallbox. E não cobram…a recarga. Mas todas ficam na área do Vallet que custa R$ 29 a primeira hora e R$ 9 as demais  😦
IMG_4168
Nesta foto dá pra ver bem o led azul na moldura do bocal das tomadas.
IMG_4169
A primeira recarga já na vaga do prédio em que trabalho. Dá pra ver a tomada normal no lado esquerdo da foto.

Feito o aprendizado do procedimento de recarga, quase na hora de ir embora, o Flavio notou que a roda dianteira direita tinha dois riscos. Um bem fundo e perceptível. Outro product genius que nos acompanhava, o Eduardo (outro, não é o mesmo da lavagem) imediatamente prontificou-se a trocar todo o conjunto roda/pneu com outro de um i3 do mostruário. O Eduardo teve o cuidado, inclusive, de pegar um pneu do mesmo ano de fabricação do meu. Pelo atendimento nota 10, meu muito obrigado ao Eduardo e ao Flavio.

IMG_4152
Roda com risco, que foi prontamente trocada pela Autostar.

Agora, sim. Carro na mão, saio pra comemorar com o pessoal do trabalho, num almoço no sem-frescura, mas delicioso, restaurante Jucalemão, que fica pertinho da Autostar Brooklin. No pequeno trajeto de uns 2 Km, já deu pra sentir que o i3 vai fazer muita gente ficar com torcicolo. Impressionante o quanto ele chama a atenção. E não só pelas suas linhas futuristas, mas porque você não vê esse carro por aí. Por enquanto, é algo bem exclusivo. Espero que essa realidade mude. Não só para o i3, mas para carros de propulsão elétrica em geral.

Na volta ao trabalho, após o almoço, levei 3 colegas de carona. E todos os comentários foram de aprovação. Bom espaço para quem vai atrás, confortável, super silencioso. E, que som da Harman Kardon!!!

IMG_4170
Só alegria. Primeiro rolê com os colegas do trabalho.
IMG_4153
E com direito a selfie. Mas, isso, o i3 não faz pra você.  😉

Pra fechar o dia, vou à Autostar M para agradecer pessoalmente ao Fabio Campos pela paciência que teve comigo. Mais notícias em breve, assim que voltar ao Brasil, depois de uma trip de negócios alucinante da Dinamize na Florida.

IMG_4158
Santa paciência, hein, Fabio?!? Você é o cara!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s